Tecnologia industrial: confira como a produção pode ser mais eficiente

A tecnologia industrial é essencial na produção em massa, de larga escala, e está presente na fabricação da maioria dos itens que usamos no dia-a-dia, desde comida processada a veículos e eletrônicos. Diversos tipos de tecnologia industrial, como a automação e o processamento de dados, ajudam a tornar esses processos mais eficientes. Neste caso, eficiência significa redução de custos e maior produtividade.

Neste artigo, discutiremos acerca do conceito de tecnologia industrial, suas aplicações e a forma como a inteligência artificial (IA) também está presente no setor.

LEIA TAMBÉM:

O que é tecnologia industrial?

Tecnologia industrial é qualquer tecnologia usada primariamente para a engenharia e fabricação de bens. Sendo também uma área de carreira e campo de estudo, a tecnologia industrial requer um entendimento geral de tecnologias, habilidades de gerenciamento e a capacidade de combinar ambas qualidades para resolver diferentes problemas e agilizar a linha de produção.

Todas as indústrias de fabricação em larga escala usam tecnologia industrial, desde a produção de alimentos até o setor de aviação ou construção. Ela funciona com sistemas técnicos, processos produtivos e ambientes de trabalho humano, envolvendo a compreensão de diferentes redes e diagnosticando seus problemas e ineficiências.

O ambiente de trabalho na tecnologia industrial normalmente envolve o trabalho em fábricas, armazéns ou outras localizações presenciais (on-site), ao invés de num escritório.

A tecnologia industrial tem vários benefícios, como a redução de custos, aumento da produtividade e maior precisão e qualidade nos processos.

Com o avanço cada vez maior da tecnologia industrial, sua amplitude pode envolver todos os segmentos industriais.

5 tipos de tecnologia industrial

Como a tecnologia industrial se aplica a todo tipo de tecnologia usada na fabricação de bens, o termo pode se tornar muito amplo. Aqui, especificamos alguns dos tipos de tecnologia industrial:

Automação

A automação refere-se a sistemas que funcionam independentemente dos operadores humanos. Isso pode incluir muitas coisas, como uma máquina que possui sensores, realizando uma única tarefa na produção, até uma fábrica completamente inteligente e automatizada. A automação pode aumentar a eficiência ao tornar o processo de fabricação mais previsível, além de também poder integrar certos fatores em consideração, como o inventário e reabastecimento.

Inclusive, a automação dos processos, utilizando IA, além de melhorar a performance e o desempenho, também pode livrar os trabalhadores de tarefas perigosas e tediosas, propensas a erros, que, na indústria, podem ser até fatais.

Análise de dados

A coleta e análise de dados é crucial para otimizar a eficiência na fabricação de produtos. Informações acerca das etapas de fabricação, envio, transporte e mesmo a satisfação do cliente podem contribuir no refinamento do processo.

Controle numérico

O controle numérico é o campo que controla processos como impressão 3D, cortadores a laser e outros maquinários operados remotamente, através de arquivos digitais. O controle numérico envolve um forte conhecimento técnico da operação do software e dos processos físicos sendo automatizados para que o equipamento manipule adequadamente todas as matérias-primas.

Sistemas ciber-físicos

Sistemas ciber-físicos são usados em fábricas e armazéns para integrar a automação num grande espaço. Esses sistemas usam a rede para monitorar sistemas e criar mudanças necessárias, como a reorganização ou reabastecimento de forma independente.

Fabricação aditiva

A fabricação aditiva refere-se a técnicas de fabricação que criam produtos ao depositar materiais em camadas. Também é conhecida como impressão 3D, onde computadores podem controlar o processo de forma remota, enquanto os engenheiros criam as plantas com design assistido por computador e escaneadores de objetos.

Este processo pode ser mais eficiente do que os processos de fabricação que requerem modelagem, corte ou usinagem, pois produzem menos resíduos.

Inteligência artificial industrial

A inteligência artificial industrial, ou IA industrial, é a aplicação de IA no setor industrial, como no movimento e armazenagem de bens, gerenciamento da cadeia de suprimentos, análises avançadas e a automação da fabricação.

A IA industrial frequentemente diferencia-se de outros tipos de IA, pois tem seu foco na aplicação de tecnologias de IA, ao invés do desenvolvimento de sistemas humanos ou de simulação humana. As bases de dados para a IA industrial tendem a ser maiores, ainda que possivelmente de qualidade reduzida, do que as da IA generalizada.

A inteligência artificial industrial é apropriada exclusivamente para plantas de processo, pois a enorme quantidade de dados e as circunstâncias que mudam rapidamente são muito complexas para o gerenciamento manual ou até mesmo digital.

Na tecnologia industrial, a inteligência artificial contribui de diversas formas, como:

  • Análises preditivas, que combinam dados da Internet das Coisas com modelos de deep learning;
  • Equipamentos “inteligentes”, que podem medir a performance de forma independente;
  • Automação, substituindo o envolvimento humano, aumentando a eficiência e potencializando a produção;
  • Análises mais velozes, que compreendem e solucionam questões de forma mais rápida, reduzindo gargalos na produção;
  • Gerenciamento da cadeia de suprimentos, aumentando a visibilidade do processo.

Além disso, para quem trabalha na área, é importante desenvolver algumas habilidades úteis no setor da tecnologia industrial, como:

  • Habilidades computacionais e de matemática;
  • Conhecimento científico de princípios químicos e físicos;
  • Comportamento organizacional;
  • Familiaridade com software CAD/CAM;
  • Atenção a detalhes;
  • Comunicação escrita e falada.

Conclusão

A tecnologia industrial é um setor já bem disseminado, e cujos avanços ocorrerão de acordo com a própria evolução da tecnologia. Além da sua implementação ser essencial na produção de larga escala, é importante também, para quem trabalha na área, compreender seus processos e buscar pelo desenvolvimento das habilidades que se destacam no setor.

Por isso, a Pix Force é uma startup que tem como um dos seus objetivos servir a indústria nacional através de uma tecnologia industrial inovadora, tendo como base a inteligência artificial. Desenvolvemos soluções específicas para qualquer setor da indústria, por meio da visão computacional e do machine learning.

Se você tem interesse em conhecer como a Pix Force pode gerar valor ao seu negócio, entre em contato com a gente!

Compartilhe este artigo:

Artigos Relacionados